Nutrição é a atividade que estuda a fundo as propriedades dos alimentos e busca soluções para promover a saúde a partir da alimentação.
É uma profissão que tem tudo a ver com vida saudável, qualidade de vida e consciência a respeito daquilo que a gente come. O nutricionista tem a importante missão de difundir hábitos como o consumo de alimentos mais naturais, menos industrializados, criando assim um impacto positivo na vida diária da população.

O que é nutricionista?

O nutricionista é um profissional de saúde que desenvolve funções de estudo, orientação e vigilância da alimentação e nutrição, quanto à sua adequação, qualidade e segurança, em indivíduos ou grupos, na comunidade ou em instituições, incluindo a avaliação do estado nutricional, tendo por objectivo a promoção da saúde e do bem-estar e a prevenção e tratamento da doença, de acordo com as respectivas regras científicas e técnicas.

O que faz um nutricionista?

O maior campo de atuação para o nutricionista é na área de alimentação coletiva – desenvolvendo cardápios e refeições saudáveis em restaurantes e empresas.
O profissional nutricional ainda pode atuar em clínicas multidisciplinares, atendendo pacientes que buscam perder peso ou que querem seguir uma alimentação mais saudável.
É possível trabalhar na indústria de alimentos, fazendo o controle de qualidade ou desenvolvendo novos produtos.
Ainda há mercado de atuação em hospitais, secretarias de Saúde, clubes e academias de ginástica que tenham nutrição esportiva.

Onde o nutricionista pode trabalhar?

Ao escolher a área, o profissional pode atuar em diversas atividades como:

Clínica

O atendimento clínico é realizado individualmente. O nutricionista faz um diagnóstico nutricional para elaborar uma dieta que atenda às necessidades do paciente atendido. Para isso, investiga o estado de saúde do paciente, seus hábitos alimentares e seu estilo de vida.
O nutricionista promove a educação alimentar, orienta o paciente sobre como combinar os alimentos, o que deve ser priorizado na alimentação e o que deve ser evitado. Esta educação alimentar permite ao paciente fazer suas próprias escolhas e montar seu cardápio conforme suas necessidades.
Como nutricionista clínico, o profissional pode trabalhar em hospitais, clínicas, ambulatórios, consultórios ou realizando atendimento domiciliar.

Coletiva

Enquanto a nutrição clínica trata do indivíduo, a coletiva cuida da saúde de um grupo de pessoas. Neste caso, o nutricionista pode atuar em restaurantes, refeitórios, cozinhas industriais ou na área de vigilância sanitária.
Em restaurantes e cozinhas industriais, o nutricionista é responsável por definir o cardápio a ser servido. Além disso, ele acompanha todo o processo de preparo das refeições e orienta os colaboradores a manipular os alimentos de forma correta. O profissional também cuida da estocagem dos alimentos, define o local adequado para armazenar cada produto e verifica as condições dos equipamentos de estocagem (geladeiras, estufas etc.).
Também faz parte de seu trabalho avaliar e selecionar os fornecedores, além de fazer um controle das mercadorias recebidas, indicando data de recebimento e fornecedor. Este controle de recebimento é importante para, se necessário, rastrear a procedência dos alimentos.
O nutricionista que atua nesta área deve estar atento à legislação vigente sobre estocagem e manuseio de alimentos, é o profissional responsável por definir os procedimentos dentro de uma empresa, adequando-os conforme a lei. Isto significa definir a temperatura da geladeira, cobrar o uniforme correto dos colaboradores, definir cronogramas de limpeza de equipamentos, cuidar da estocagem dos alimentos, entre outras atividades. Como vigilante sanitário, o profissional fiscaliza os estabelecimentos que lidam com alimentos para garantir a qualidade dos serviços.

Esportiva

É uma área voltada para pessoas que realizam algum esporte ou atividade física e tem como objetivo melhorar o desempenho físico dos atletas e otimizar a recuperação pós-exercício.
O nutricionista esportivo pode realizar atendimentos individuais ou cuidar do interesse de um grupo de pessoas (atuando em clubes e academias).
No caso do atendimento individual, o nutricionista prescreve uma dieta ao atleta conforme o seu objetivo e o esporte ou atividade física praticada. É bastante comum equipes esportivas terem um nutricionista exclusivo para definir o cardápio dos atletas, atendê-los individualmente e acompanhá-los durante as competições.

Indústria de Alimentos

Em uma indústria de alimentos, o nutricionista controla a qualidade dos alimentos produzidos e acompanha todo o processo de produção.
É ele quem orienta os colaboradores no que diz respeito à higiene (que tipo de uniforme devem usar, quais produtos podem ser utilizados para limpar os equipamentos) e manuseio dos alimentos.
O nutricionista é responsável por elaborar o conteúdo nutricional que será impresso nas embalagens dos produtos, bem como elaborar informes técnico-científicos sobre os alimentos.

Marketing Nutricional

No marketing nutricional, o profissional faz uma análise do produto, identificando o público-alvo, e define a melhor maneira de informar o consumidor sobre a importância nutricional daquele produto.
O nutricionista tem como finalidade destacar o produto através do seu valor nutricional. Ele  pode também auxiliar na elaboração de materiais informativos e campanhas publicitárias.

Pesquisa Científica

Dentro da área de pesquisa, o nutricionista pode desenvolver novos alimentos ou pesquisar sobre os efeitos que determinado alimento ou substância exerce no organismo do ser humano. Ele pode realizar seu trabalho em laboratórios, indústrias alimentícias, institutos de pesquisa e universidades.

Como posso me tornar um nutricionista?

No Brasil, para exercer a profissão é necessário ter graduação no curso de nutrição em instituições de ensino superior autorizadas pelo MEC, assim como estar regularmente inscrito no Conselho Regional de Nutricionistas (CRN) da sua respectiva jurisdição.
O curso é do tipo bacharelado e tem duração média de quatro anos. É uma formação multidisciplinar que apresenta matérias como Anatomia, Fisiologia e Bioquímica, além de disciplinas específicas, como Dietética, Avaliação Nutricional e Composição de Alimentos, entre outras.